Gazeta Regional Polícia

Mais um golpe de venda pela Internet é registrado em Camaquã


13/09/2018 - Fonte:

Mais uma vez um camaquense é vítima de venda de veículo pela Internet. Um homem registrou na Delegacia de Polícia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), na quarta-feira (12), o golpe que sofreu ao tentar comprar uma motocicleta pela Internet.

Ele relatou que viu na Internet o anúncio de uma moto Honda XRE 300, 2015, pelo valor de R$ 10 mil. Ao fazer contato com o anunciante, foi informado que a moto estava em uma revenda de veículos de Camaquã e indiciou o nome da pessoa que o comprador deveria falar para olhar a moto. No entanto, as demais tratativas de compra deveriam ser feitas com o anunciante pela Internet. O suposto vendedor também disse que a moto era sua e instruiu o comprador para ir até a revenda em Camaquã olhar a moto e após, fazer o depósito bancário direto na conta fornecida por ele.

A vítima foi a revenda avaliar o veículo e efetuou o depósito na agência da Caixa Econômica Federal, na conta fornecida pelo falsário, no valor de R$ 9,5 mil. Ao falar novamente com o funcionário da revenda em Camaquã para providenciar a transferência da moto, ele se negou a fazê-la porque não teve nenhum depósito bancário feito em nome da empresa. Foi aí que a vítima percebeu que se tratava de um golpe. Tentou ligar para o anunciante, mas o telefone estava desligado.

Por outro lado, para o funcionário da revenda, o golpista havia ligado e dito que era advogado e que o comprador iria olhar a moto, pois estava pagando uma dívida trabalhista para ele. Após a confirmação do comprador na aquisição da moto, ele iria depositar o valor na conta da empresa, o que não foi feito.

Somente depois que a vítima fez o depósito e esclareceu a situação na revenda foi que perceberam que se tratava de um golpe.

Foto: Ilustrativa/Reprodução

Publicidade: