Gazeta Regional Polícia

Presidiário usava celular para extorquir dinheiro de vítimas


10/07/2018 - Fonte:

Um crime cada vez mais comum no Brasil foi constatado na segunda-feira (09) também em Camaquã, quando agentes penitenciários apreenderam no Presidio Estadual de Camaquã um telefone celular.

O aparelho da marca Samsung com chip estava sendo utilizado por um detento para extorquir dinheiro e ameaçar pessoas, conforme o registro feito na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA). A Polícia, no entanto, não detalhou o caso e o nome do criminoso.

Foto: Arquivo/GR

Publicidade: