Gazeta Regional Geral

CEEE alerta: Cobrança de taxa por depósito bancário é golpe


12/06/2018 - Fonte:

A CEEE reforça o alerta para seus clientes de que não efetua cobrança em dinheiro nem em depósito bancário. Todos os valores referentes a serviços ou débitos da Companhia são cobrados na fatura de energia ou através de documentos oficiais. A Empresa, diante de novos relatos de clientes – dessa vez no Litoral Norte – de que estão sendo chamados por telefone a pagar multas referentes a fiscalizações, reitera que nenhuma pessoa ou empresa tem autorização para receber, em nome da concessionária, qualquer outro tipo de pagamento.

No contato, os golpistas – cuja prática já foi identificada junto a clientes da região Metropolitana e do Sul do RS no ano passado –, alegam falar em nome da CEEE, informando sobre um débito da unidade consumidora. Eles solicitam que, para evitar o corte imediato do fornecimento de energia, seja feito um depósito bancário em nome de uma pessoa da 4ª Vara Federal até um determinado horário do dia. Pelos relatos dos episódios anteriores, registrados em janeiro e abril do ano passado, os golpistas exigiam depósitos de até R$ 4,5 mil.

A CEEE informa que a cobrança de valores por parte da Concessionária é feita exclusivamente por meio de documentos formais emitidos pela Companhia, com código de barras, e reitera o alerta para que ninguém faça qualquer depósito ou pague por serviços a terceiros através de cobranças diretas. Eventuais ligações telefônicas feitas por profissionais da Empresa são sempre no sentido de alertar o cliente para débitos existentes, mas os pagamentos nunca são feitos sem um documento formal de cobrança.  Dúvidas devem ser esclarecidas nas agências (os endereços podem ser conferidos no site www.ceee.com.br) ou pela Central de Teleatendimento (0800.7212333).

Foto: Ilustrativa/Reprodução

Publicidade: