Gazeta Regional Camaquã

Brigada Militar de Camaquã está elaborando um plano de ação e contingência para o monitoramento da circulação de idosos


23/03/2020 - Fonte: Brigada Militar, Rádio Camaquense e Gazeta Regional

Em entrevista à Gazeta Regional na tarde desta segunda-feira (23), a Brigada Militar afirmou que está definindo um plano de ação e contingência para o monitoramento da circulação de idosos em Camaquã. 

Ações já estão sendo implementadas pela Corporação, com a abordagem e esclarecimento de idosos para que permaneçam em suas residências.

Representantes da Brigada Militar devem se reunir ainda hoje com o Executivo Municipal para a elaboração de medidas conjuntas de prevenção ao contágio do novo vírus.

Entenda o caso

A reportagem da Rádio Camaquense e a redação da Gazeta Regional receberam relatos de ouvintes e internautas se dizendo surpresos e preocupados com a intensa circulação de idosos pelas ruas de Camaquã na manhã desta segunda-feira. "É como se eles estivessem alheios a tudo que está acontecendo no mundo", afirmou uma ouvinte. "Justamente o grupo mais vulnerável, que deveria estar encarando a quarentena como uma medida obrigatória pra presenvar as próprias vidas, parece estar fazendo pouco caso da pandemia", disse um internauta alarmado. "As famílias estão tendo muita dificuldade de convencer os idosos a ficarem em casa. A polícia e a Brigada Militar tem que tomar providencias urgentes, medidas mais drásticas, pra tirar os idosos da rua", sugeriu outro.